Carregando...
Artistas em pesquisa

FRANCISCO DE ALMEIDA

(por Carolina Pereira)

Francisco de Assis Rodrigues de Almeida (Crateús -CE, 1962), mais conhecido como Francisco de Almeida (Imagem 1), é um gravador cearense cuja temática perpassa pela religiosidade, imaginário nordestino e o mundo das alegorias.  

Seu trabalho é influenciado não somente por tais temáticas como também pela sua própria história familiar.  Filho de pai ourives, mãe bordadeira e avó rendeira, suas obras assimilam materiais e padrões dessas técnicas manuais. 

Aos 15 anos, Francisco de Almeida mudou-se para Fortaleza – CE onde começou a estudar arte. Estudou xilogravura com Sebastião de Paula e pintura nas oficinas do Museu de Arte da Universidade Federal do Ceará. Apesar de ter estudado estas duas técnicas artísticas, é na gravura que seu trabalho se desenvolveu e se popularizou. 

Conhecido também como “mago”, ganhou esse apelido devido às experimentações com os materiais da gravura, sejam as tintas ou as matrizes. Além disso, mistura em suas obras outros materiais, como pedras e metais na gravura já impressa. Por conta de uma doença degenerativa que faz com que ele perca gradativamente seus movimentos, o artista também desenvolveu novas formas de impressão para que pudesse continuar seus trabalhos sem que outra pessoa tenha que auxiliá-lo.  

Almeida também é conhecido por suas gravuras de grande escala, tendo produzido a maior xilogravura do mundo. Com 20m x 1,50m, a obra “Os Quatro Elementos I – O Dia e A Noite” (Imagem 2) foi apresentada na exposição “Absurdo”da7ª Bienal do MERCOSUL (2010). Por causa destas grandes proporções, a obra possui várias matrizes. 

Imagem 2 – Detalhe da xilogravura “Os Quatro Elementos I – O Dia e A Noite”. 

Seus primeiros trabalhos foram xilogravuras em preto e branco, as quais a imagem e o texto interagem entre si. O texto apresenta poemas, frases soltas e pensamentos do próprio artista. A imagem 3, “O Dono do Tempo”, é um claro exemplo deste tipo de trabalho. Sentado em um trono, o senhor do tempo está rodeado de anjos, contemplando-os. Nesta obra, vê-se também a frase “O tempo devora todos os seus filhos”, que dialoga com a ideia da onipotência do tempo.  A iconografia de alegorias da História da Arte está presente em seu trabalho e mescla-se com técnicas e tradições do nordeste brasileiro, como a Literatura de Cordel e a religiosidade predominantemente católica dessa região. 

Imagem 3 – “O Dono do Tempo”. 

Com o passar do tempo, suas obras ganham um caráter policromático e cada vez menos há a presença da palavra. Além disso, há o acréscimo de fotografias transferidas para a gravura impressa. (Imagem 4), contudo, a temática ainda permanece sendo a mesma. Outra nova característica é que Francisco de Almeida apresenta a própria matriz das xilogravuras como uma obra de arte, dando novos significados e sentidos aos processos da xilogravura. 

Francisco de Almeida já participou de exposições no Brasil e em outros países da América Latina. Atualmente, no ano de 2021, o artista participa da exposição “Brasilidade – Pós-modernismos” no Centro Cultural Banco do Brasil do Rio de Janeiro (CCBB-RJ). 

Imagem 4 – “O Papa da Iconografia e os Anjos, 2010”.
 

Referências 

DE ALMEIDA, Francisco. Catálogo das Artes. Disponível em https://www.catalogodasartes.com.br/artista/Francisco%20de%20Assis%20Rodrigues%20de%20Almeida%20-%20Francisco%20Almeida/. Acesso: 20 set. 2021. 

DE ALMEIDA, Francisco. Museu Afro Brasil. Disponível em http://www.museuafrobrasil.org.br/pesquisa/indice-biografico/lista-de-biografias/biografia/2017/06/26/francisco-de-almeida. Acesso: 20 set. 2021. 

DE ALMEIDA, Francisco. Conexão Ceará – Francisco de Almeida. Disponível em https://www.youtube.com/watch?v=mK4RHS0erU0. Acesso: 20 set. 2021. 

DE ALMEIDA, Francisco. Funarte. Disponível em https://www.funarte.gov.br/artes-visuais/criador-da-maior-xilogravura-do-mundo-expoe-na-funarte-mg/. Acesso: 20 set. 2021. 

DE ALMEIDA, Francisco. TV Brasil. Disponível em https://tvbrasil.ebc.com.br/o-milagre-de-santa-luzia/2018/12/francisco-de-almeida. Acesso: 20 set. 2021. 

DE ALMEIDA, Francisco. Unifor. Disponível em https://www.unifor.br/web/doedecoracao/-/xilogravurista-francisco-delalmeida-redesenha-marca-para-a-campanha-doe-de-coracao. Acesso: 20 set. 2021.